fbpx

Planejamento tributário – 5 pontos importantes nesse processo

planejamento-tributario-5-dicas

A elaboração de um planejamento tributário tem se apresentado como uma das principais ferramentas tributárias para uma empresa. Afinal de contas, ele traz consigo um cenário melhor para a empresa.

Empresas de todo o Brasil acabam tendo que lidar com uma alta carga tributária. Com isso, qual empreendedor não gostaria de pagar menos impostos, sempre dentro da legalidade?

A fim de ter uma maior economia, as empresas precisam ter à disposição um planejamento tributário. Isso porque, o seu objetivo é buscar por estratégias legais para reduzir a carga tributária que incide sobre uma empresa.

Acompanhe o nosso artigo até o final e conheça mais sobre o assunto. Aproveite também para encontrar respostas para as suas dúvidas.

Leia também o conteúdo: Holdings de Proteção Patrimonial: O que são e como elas podem ajudar seus negócios?

O que é o planejamento tributário?

O planejamento tributário é a aplicação de um conjunto de estudos e estratégias que otimiza a apuração de impostos da empresa gerando uma economia em tributos, sendo que esse resultado é obtido em compliance com a lei.

Toda e qualquer empresa, independentemente do seu tamanho e segmento de atuação, deve contar com o suporte de um planejamento tributário.

Afinal de contas, os empreendedores precisam lidar com uma série de burocracias tributárias ao longo de suas vidas. A primeira delas, inclusive, é a escolha do melhor regime tributário para uma empresa.

Sendo assim, para elaborar um planejamento tributário com assertividade, é imprescindível que os empreendedores tenham o suporte de um serviço especializado, como um escritório de contabilidade.

Os contadores são profissionais com vasta experiência no assunto. Logo, eles podem avaliar a estrutura de uma empresa e, assim, indicar quais os melhores caminhos para que seja possível reduzir a sua carga tributária.

Por que elaborar um planejamento tributário?

Se manter em dia com todas as suas obrigações tributárias é um desafio compartilhado por milhares de empresas.

Isso porque, o Sistema Tributário brasileiro é altamente complexo e, com isso, acaba sendo motivo de dúvidas entre os empresários

Por meio do auxílio de uma contabilidade, elaborar um planejamento tributário se apresenta como uma ação fundamental nas empresas. 

Desta forma, confira a seguir quais são as principais vantagens por trás desta ferramenta tributária para as empresas:

  • Redução da carga tributária;
  • Prevenção contra autuações do Fisco;
  • Aumento da competitividade da empresa;
  • Escolha assertiva do melhor regime tributário;
  • Fazer o uso dos incentivos fiscais disponíveis;

Agora, que tal compreender também quais são os passos por trás da elaboração de um planejamento tributário? Continue acompanhando e descubra!

Leia também: Contabilidade para Médicos e Clínicas Médicas: Conheça a importância de uma parceria especializada.

Como elaborar um planejamento tributário?

Como você já pode compreender, o primeiro passo para elaborar um planejamento tributário é contar com o apoio de uma contabilidade. Os contadores serão os profissionais responsáveis por guiar todo o processo.

Além disso, existem também outras dicas para garantir a eficácia deste plano. Continue a sua leitura e confira!

1. Diagnóstico da empresa

Após contar com o suporte de contadores especializados, chegou o momento de realizar um diagnóstico de uma empresa. Aqui, é necessário levar em consideração informações, como:

  • Porte da empresa;
  • Regime tributário;
  • Atividades desempenhadas;
  • Operações administrativas, financeiras e contábeis.

É de extrema importância coletar todos os dados que estejam relacionados com o recolhimento de impostos. Assim, será possível traçar as melhores estratégias para garantir a redução da sua carga tributária.

Aproveite para conferir também: Planejamento Financeiro 2021: Como se preparar para as mudanças de mercado.

2. Análise da natureza jurídica

A segunda dica é a realização de uma análise da natureza jurídica de uma empresa. São vários os modelos disponíveis e, com isso, confira alguns dos principais:

  • Sociedade Limitada (LTDA);
  • Sociedade Anônima (SA);
  • Empresário Individual (EI);
  • Sociedade Unipessoal Limitada (LTDA);
  • Eireli
  • Entre outros.

Cada um dos modelos disponíveis acima possui características próprias, que determinam como será feita a escolha do regime tributário de uma empresa.

3. Escolha do Regime tributário

Ao abrir uma empresa, é necessário também fazer o seu enquadramento tributário, uma escolha que determina como será feito o seu recolhimento de impostos.

No entanto, é possível que uma empresa acabe sendo enquadrada em um regime tributário que não seja o ideal. Com isso, os seus gestores podem passar anos pagando mais impostos do que deveriam pagar

Sendo assim, no planejamento tributário, é fundamental fazer um estudo do melhor regime tributário para uma empresa. Confira a seguir as opções encontradas:

  • Simples Nacional;
  • Lucro Presumido;
  • Lucro Real.
  • Regimes especiais
  • Lucro Arbitrado
  • MEI

Ao escolher o enquadramento tributário ideal para uma empresa, é possível fazer com que ela economize.

Confira também o nosso artigo sobre o tema: Imposto de Renda 2021: Tire suas dúvidas sobre a declaração do IR.

4. Elaborar um plano tributário

Após reunir todos os dados de uma empresa e analisar fatores como a sua natureza jurídica e enquadramento tributário, chegou o momento de definir, no planejamento tributário, como minimizar os gastos com impostos.

Deste modo, os contadores serão os responsáveis por elaborar um plano tributário, definindo assim todos os objetivos e metas a serem alcançados, um cronograma e uma análise de todos os cenários possíveis.

O foco principal é garantir que uma empresa sempre siga o melhor caminho para economizar no pagamento de impostos.

5. Faça avaliações

Por fim, uma última dica para a elaboração de um planejamento tributário é a realização de avaliações periódicas. O foco é manter uma empresa sempre de acordo com possíveis mudanças que ocorrem na legislação.

Além disso, por meio de avaliações, é possível identificar falhas e, assim, corrigi-las a tempo, evitando o surgimento de problemas.

Portanto, foi possível acompanhar que a elaboração de um planejamento tributário é de fundamental importância para uma empresa. Logo, não deixe de procurar a ajuda de um serviço especializado no assunto!

Nesse momento, conte com a CJF Contabilidade! Somos uma contabilidade diferenciada, com profissionais capacitados e sempre à disposição da sua empresa! Vamos caminhar em uma jornada empreendedora juntos!

Entre em contato conosco e descubra como os nossos serviços podem te ajudar! Além disso, não se esqueça de seguir as nossas redes sociais e acessar o nosso blog para acompanhar novos conteúdos!

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook

Mais Notícias

Entre em Contato